como-combinar-cores

Guia prático de como fazer combinação de cores

Fazer combinação de cores não depende de dom e nem somente de bom senso. Na verdade, existe técnica para isso, mas sabemos que as dúvidas são muitas. Por isso, criamos este guia prático de como fazer combinação de cores.

Aqui, vamos ensinar tudo o que você precisa saber para criar as mais lindas — e inusitadas — combinações de cores, que vão valorizar ainda mais os seus serviços, peças ou produtos. Assim, você verá que todo o processo fica mais fácil.

combinação de cores, estampas e listras de cores em ton sur ton

>> Acesse aqui nosso guia de direção de fotografia: saiba como aprimorar seu trabalho!

Para quem esse guia é indicado?

Entender as cores que combinam não é exclusividade de profissionais. Quase todo mundo já se perguntou como fazer a combinação de cores para as próprias roupas, ou viu seu humor sendo afetado ao entrar em um ambiente com determinada cor, não é mesmo?

No entanto, quem dependem da criatividade nas suas profissões tende a lidar com esse desafio com maior frequência, e o resultado pode variar bastante entre combinações harmoniosas ou desastrosas! É isso que ocorre com artesãos, designers, fotógrafos, estilistas, maquiadores, decoradores etc.

Ter esse conhecimento, portanto, é essencial para várias carreiras, e está na base de conhecimentos ainda mais avançados, como por exemplo: combinação de estampas para artesãos e modelistas. Ou, para fotógrafos e designers, o domínio de paletas de cores para conferir o clima certo à imagem. E até colorimetria para cabeleireiros e maquiadores.

Quem conhece as características de cada cor desenvolve o seu trabalho com mais propriedade e passa mais segurança na hora de apresentar ou sugerir combinações a um cliente. Ou seja, é um conhecimento técnico que confere mais assertividade nas produções. Além disso, se sentir confiante para navegar no círculo cromático dá muita liberdade para criar!

Falando nisso, o círculo cromático (ou círculo das cores ou, ainda, roda das cores) é onde mora o segredo de todas as combinações! É a partir dele que vamos navegar com rumo certo nesse oceano de possibilidades! Vamos ver?

combinação de cores, diversos retalhos de tecidos estampados que combinam

Repare na combinação de cores entre as estampas feitas pela artesã Simone Aguiar. Superdiferente!

Combinação de cores: entendendo o círculo cromático

A partir da teoria das cores, o círculo cromático apresenta 12 cores diferentes lado a lado e de acordo com suas tonalidades. Dessa forma:

combinação de cores, o círculo cromático

Círculo cromático

Observando o círculo, é possível visualizar quais cores combinam melhor e são mais agradáveis ao nosso olhar, mas isso só fica simples de fazer a partir do momento que se conhece algumas técnicas.

Primeiro, é importante saber que as combinações partem da posição das cores na roda, e as mais comuns são chamadas de: monocromáticas, análogas, complementares e tríades. Quer saber como enxergar as melhores combinações de forma fácil? Continue a leitura!

Características das cores

Três dessas 12 cores do círculo cromático são as chamadas primárias, que são o vermelho, o amarelo e o azul. Da mistura das cores primárias, temos três cores secundárias, e ao misturar as secundárias com as primárias, resultam as seis cores terciárias.

Vejamos alguns exemplos práticos das cores primárias:

combinacao de cores, colcha da cor primária vermelha

Vermelho domina o ambiente, como nessa colcha. (foto: copertineaduncinetto)

combinacao-de-cores-azul-primario

Azul completa as três cores primárias e é um tom frio e sóbrio (foto: reprodução site House Beautiful)

combinacao-de-cores-amarelo

Amarelo empresta alegria por onde passa (foto: etsy)

As cores também possuem propriedades que ajudam nas composições, que são a matiz, a luminosidade e a saturação. Além disso, elas são divididas entre cores quentes e cores frias. Entre as quentes, estão os vermelhos, amarelos, laranjas, rosas. As cores quentes chamam a atenção e aproximam o olhar. Azuis, verdes, roxos são cores frias, são mais sóbrias, e permitem combinações cheias de elegância. Em outras palavras, entender as cores também é útil para gerar significados e sensações.

Branco, preto e cinza são consideradas cores neutras. Logo, podem servir como base para diferentes combinações.

Mas afinal, quais são as cores que combinam?

Vamos ver isso na prática, com a técnica. Como dissemos, existem alguns tipos de combinação de cores: monocromática, análoga, complementar e tríade.

Observe a imagem abaixo:

Combinação de cores monocromática: simples e elegante

A combinação monocromática consiste em utilizar variações de tonalidade dentro da mesma cor. Por isso, é uma combinação fácil e que agrada a muita gente. Pode-se acrescentar a essa combinação um tom de cor neutra, como branco, preto ou cinza. É muito usada em roupas para ocasiões formais, em maquiagens leves, ou em fotografias em preto e branco. Entretanto, a combinação monocromática muitas vezes carece de contraste e não é tão vibrante como uma combinação complementar, por exemplo.

combinação de cores monocromática, na cor azul

Combinação de cores análogas: efeito natural

Ao utilizar uma cor primária e outras duas cores “vizinhas”, ou seja, listadas em sequência no círculo cromático, temos a combinação análoga. Aqui, uma delas vai dominar a combinação, enquanto as coadjuvantes alegram e trazem riqueza. Além disso, essa mistura é comum de se ver na natureza, o que nos confere uma sensação maior de harmonia e naturalidade. Por exemplo, já reparou que a fotografia de uma serra apresenta um dégradé a partir do verde intenso das montanhas mais próximas, passando por tonalidades mais escuras e azuladas, até chegar no azul do céu? Do mesmo modo, uma folha seca apresenta um amarelo no centro, e vai alaranjando até o vermelho nas extremidades.

Mas, tome cuidado: não utilize muitas cores nesta combinação, pois pode destruir a harmonia. Uma vantagem é que a combinação análoga é tão fácil de criar quanto a combinação monocromática, porém é muito mais bacana. Ainda assim, também como a primeira, não possui cor de contraste. Dica: evite a mistura de cores quentes e frias na mesma harmonia.

 

combinação de cores análogas, linhas em tons de verde e azul

Quando uma cor primária recebe a visita de suas ‘vizinhas’, cria-se uma combinação análoga (crédito da foto: reprodução Color me card challenge)

Combinação complementar: o segredo dos fortes contrastes!

A combinação complementar acontece quando combinamos duas cores opostas no círculo cromático. Aqui sim, vale misturar cores frias com cores quentes. Aliás, essas são lindas combinações, que funcionam muito bem. Tais combinações para roupas, por exemplo, simbolizam uma personalidade ousada e enérgica.

Como chamam muito a atenção,  vale escolher uma das cores para destacar. Desse modo, apenas uma será dominante, e as outras têm o poder de ressaltar detalhes. No entanto – e em contraposição à monocromática e à análoga – é mais difícil de encontrar um equilíbrio na combinação complementar.

combinacao-de-cores-contraste, drag queen maquiada de roxo com peruca amarela

As cores complementares garantem um contraste exuberante nesse look de Drag Queen

combinacao-de-cores-contraste-azul-e-laranja

O laranja e o roxo são cores complementares e funcionam muito bem juntos! (crédito da foto: row house nest)

Combinação tríade: um desafio envolvente

A combinação de três cores com a mesma distância entre si forma a tríade. Dessa maneira, as cores escolhidas no círculo formam um triângulo equilátero. O efeito visual da combinação tríade é moderno, ousado e bem diferente. Por causa disso, ela é cheia de contrastes, mas sem jamais perder o equilíbrio e o requinte das cores.

Uma boa dica para trazer mais harmonia a essa combinação, é escolher uma das cores para ser a principal, e usar as outras duas para detalhes. Sem dúvidas, comparada às demais combinações, essa é a menos formal. Por exemplo, pode ser muito bem usada em quartos de criança, deixando o clima do ambiente leve e divertido.

combinacao-de-cores-triade
Combinação em tríade (crédito da foto: Jeni Baker – Flickr)

Combinação de cores em estampas

Que tal aplicar o que você aprendeu até aqui sobre combinação de cores na hora de escolher as estampas para os seus trabalhos?

Por serem capazes de transmitir sensações, as cores têm um papel muito importante quando a missão é criar uma mistura de estampas harmônica. E essa harmonia é buscada não apenas pela moda mas também por diversas artes manuais.

Dependo do padrão que você deseja utilizar, uma quantidade maior ou menor de cores pode marcar presença na sua composição. Só não se esqueça de ficar sempre de olho no círculo cromático para criar uma combinação agradável.

Contando com os neutros

Como nem sempre é possível encontrar a variedade de estampas que você imaginou, em cores e tons específicos, vale a pena ter alguns tecidos neutros de reserva.

Isso porque, principalmente na presença de estampas com tons marcantes, o neutro – branco, cinza, preto, marrom ou bege – dá ainda mais valor às outras cores

Atenção à padronagem

As características de cada padrão de estampa também precisam ser levadas em conta. Para ficar mais claro, vamos usar o xadrez Vichy vermelho e branco – bem conhecido pelas toalhas de piquenique – como modelo.

O que define essa estampa é a presença de branco e uma outra cor, que misturadas criam um tom mais claro. Para fabricar o tecido, fios brancos e vermelhos são entrelaçados, dando origem a um vermelho mais claro quando eles se cruzam.

Se a sua ideia é reproduzir um padrão em uma peça de patchwork, bordado ou bolsa, por exemplo, conhecer os fundamentos dele é um ponto importante.

Formas que se entendem (ou não)

Como estamos falando de estampas, além das cores, os desenhos também merecem atenção. Ou seja, mais do que ter cores da mesma família ou tons que casem bem, as formas precisam ter alguma semelhança.

Isso é o que vai garantir a harmonia que você procura.

Por outro lado, existem estilos que têm suas particularidades, como o kitsch. Usado sobretudo na decoração e em acessórios utilitários, o kitsch é conhecido pelo sentimentalismo, exagero, excesso.

Nesse caso, a mistura de várias estampas, com diferentes padrões, não apenas é aceita como é o que caracteriza as peças. Este modelo de maleta kitsch mostra como funciona essa lógica de combinação de estampas.

De olho nas tendências

Será que xadrez e floral combinam? E floral com listras ou poás – que você também pode chamar de “estampa de bolinhas”?

Nada te impede de fazer essas combinações. Por mais diferentes que sejam entre si, elas podem se dar bem, desde que – de novo – tenham algo em comum. Além disso, as tendências do momento também têm sua influência. Para que o seu trabalho esteja atualizado, você deve ficar de olho nelas.

Afinal, como bem disse a expert Fá Giandoso, “não existem regras a serem seguidas quanto a cores e padrões, mas as tendências podem dar um norte para o seu trabalho, para que ele não fique sempre a mesma coisa”.

Abuse da combinação de cores e solte a criatividade!

Agora que você aprendeu tudo sobre harmonização de cores, já pode se arriscar a redecorar a casa, criar logomarcas, fotografar belas imagens, combinar estampas e assim por diante! Saber os segredos para combinar bem as cores é um dos princípios básicos na hora de misturar diferentes padrões e desenhos.

Se você gosta de botar a mão na massa, não deixe de conferir os cursos de Artesanato aqui da eduK! Esperamos você.

cursos-de-artesanato

Receba nossas dicas e conteúdos gratuitos diretamente em seu e-mail!




    42 Comentários

      Parabéns adorei a matéria sempre tive dúvidas quanto a misturas das cores,mas foi bastante esclarecedor grata. Bjs. Hilda

      Embora com 77 anos, estou engatinhando em artesanato, principalmente em caixas de MDF, com Livia Fiorelli. Minha dúvida: as caixas são compostas de diversos comprtimentos: tampa de cima, parte de baixo da tampa, lateráis de cima , fundo de baixo, lateráis externas de baixo e lateráis internas do fundo de baixo. Na opinião de vocês quantas cores a serem pintadas posso usar?i: Uso o circulo cromático, ou o monocromático, ou o tríade,ou harmonia de contraste,
      Vocês são sensacionáis.
      Um abração

      ADOREI . MUITO BACANA MESMO, TRABALHO COM PINTURA E FOI MUITO PRODUTIVO ESTE POST. obrigado

      Ótimo, adorei

      Estou em dúvida ainda com o marron! Onde ele se encaixa??

      Estou em dúvida ainda com o Martin… onde ele se encaixa?

      Muito bom

      Sempre procuro usar o disco quando tenho dúvida . Gostei da postagem! Sempre aprendo, obrigada por compartilhar!

      AMEEEEEEEIIIIII!!!! §^,^§

      É maravilhoso quando encontramos pessoas tão capazes e conhecedoras para nos orientar com segurança e simplicidade…

      Obrigada! <3

      ola me inscrevi no blog e ainda nao estou recebendo informativo . grata

      Olá! Eu adorei o post, me ajudou muuito.
      Gostaria de saber se tem algum aplicativo de celular que nos ajude na hora da composição das cores? Obrigada!

      Muito interessante.. No caso de fazer uma combinação de 3 almofadas, sendo uma floral, acho que o mais interessante seria utilizar as cores análogas, né?!

      Ave Maria to babando sempre assistia as aulas e ficava tentando escrever o q as professoras e professores falavam das cores mais aqui é um show, parabéns a todos da EDUK, vcs mudaram mt minha vida, abraço nordestino bem apertado, KKKK

      oi,

      como fazemos com relação à combinação de cores com o preto?

      Um dos melhores cursos que já assisti. A EDUK e dez.

      amei, aprendi !

      EU ADOREI A EXPLICAÇÃO E PRETENDO COMEÇAR A COLOCAR EMPRÁTICA. OBGDA.

      Parabéns! As explicações foram maravilhosas, colocadas de uma forma esclarecedoras e com certeza me ajudaram muito e acredito que a várias outras pessoas. Obrigada!!!

      Dicas nota mil. Estou fazendo os cursos de patchwork da Eduk e mais uma vez sou presenteada com ensinamentos importantes. Parabéns a Eduk.

      Perfeita harmonia e bem explicativa eesa materia!
      Simplemente, incrivel.
      Perfeita, grata!

        Obrigada Van! Que bom que gostou!

      Teoria das cores resumida de maneira muito eficiente! Parabéns!

      Sempre tenho muitas dúvidas na hora de compor algum trabalho, perco horas escolhendo e fico sempre insegura. Agora vai ficar mais fácil! Vocês da eduk são mesmo 10!

      Ameiiiii….vou colocar em prática o que aprendi… obrigada Eduk

      muito obrigada , já havia visto este circulo mas não entendia direito como usar, agora ficou claro vou começar por em pratica pq sempre demoro muuuuuito pra escolher as cores, vou passar a ousar mais rsrs bjs a toda equipe.

      Amei, amei! Muitas vezes demoro mais para definir as cores de um trabalho novo, de uma encomenda do que na execução da peça.
      Obrigada Eduk!

      Adorei, assim dá pra criar novos trabalhos sem medo!!!!!!!!!!

        Oi Cida, que bom que você se sentiu encorajada!!! Viva! Quais combinações já criou? Divide aqui com a gente!

      Amo estudar cores, principalmente depois de ouvir elogios às minhas combinações. Este post está show! Obrigada!

      Só uma dúvida: na última imagem da divisão do círculo cromático – cores frias e quentes – a linha de verdes que está nas quentes não deveria estar nas frias? E a linha de rosas q está nas frias não deveria estar nas quentes?

      Parabéns à eduK pelo blog! Estou amando tudo! Conheci hoje e não consigo desconectar! Rsrsrsrsrs…
      Adoro os cursos também!
      Perdi a promoção de lançamento da assinatura, mas tão logo seja possível, assinarei, com certeza.
      Grande abraço e muito sucesso a todos!

        Olá Rosemary, obrigada por ter ficado com a gente. Volte sempre!
        Quanto a sua dúvida: para fazer a divisão de cores do círculo cromático, consultamos o livro “Introdução à cor”, da editora Bellas Artes (Akal) e seguimos a orientação descrita ali. A explicação dada no livro é que essas cores que você cita, quando comparadas com o grupo de quentes ou frias, dão a impressão de não pertencimento. Mas, quando isoladas, sim, dão a sensação de quente e frio, conforme indicado no círculo cromático. As cores que estão no ponto de transição entre azul e vermelho são as mais versáteis e conseguem assumir posição de quente ou fria, dependendo do contexto.

        Espero que consiga assinar a eduK em breve para ter acesso a muito conteúdo incrível!

          Obrigada poe sua atenção, Cristina!
          Ainda não conheço esse livro. Já vai ra minha lista de desejos 😉
          Abraço.

      Amei esse post. Vcs são demais.

        Oi Edilceia, que legal! Obrigada. 🙂

      Amei. Muito útil. Aliás, sou fã incondicional da Eduk.
      Obrigada pelas dicas.

        Olá Vera, obrigada! Também somos fãs dos nossos alunos, que estão mudando o mundo!

      Muito obrigada, gostei, agora tenho mais uma duvida, será que alguém pode me ajudar? Uma cliente tem uma loja de moveis um estilo único bem colorido, cada coisa tem sua cor ou misturas de cores, ela me pediu para revestir um abajur em mdf quadrado, com tecido, deixou por minha conta, mas estou em duvida. Oq fazer? obrigada bjs atodos

        Oi Sonia, legal. Vamos lá, por que você não observa qual a cor dominante no ambiente da loja da sua cliente e a partir daí, analisa o círculo cromático para fazer uma combinação bacana? Por exemplo, pode ser que você observe que o amarelo é a cor que mais aparece no ambiente, e aí você escolhe quais cores combinam com o amarelo. Que tal? É um ponto de partida?

          Olá tenho muitas dúvidas na combinação de cores acho muito interessante saber um pouco ou estudar

            Sandra, temos alguns cursos sobre cores lá no site da eduK! No material didático tem parte da teoria de cores e o resto é explicado pelos experts no vídeo! Dá uma olhadinha por aqui! ?

      Amei. Sempre tive muitas dúvidas e muito medo na hora de criar um novo trabalho. Vou começar usar as dicas.

        Olá Janaina, que bom que você gostou! Obrigada.

    Fale o que você pensa

    O seu endereço de e-mail não será publicado.