higiene e segurança no salão de beleza

5 dicas essenciais de higiene e segurança no salão de beleza

A indústria da beleza deve seguir um conjunto de normas para preservar a saúde de seus profissionais e clientes. Essas regras são regulamentadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e precisam ser cumpridas durante todo o ano.

No contexto de pandemia do novo coronavírus, a higiene e segurança no salão de beleza ganhou ainda mais importância. Pensando nisso, listamos 5 dicas para você ficar em dia com suas obrigações e oferecer um serviço confiável. Veja!

1. Esterilize os equipamentos após o uso

higiene e segurança no salão de beleza

As doenças causadas pelo uso compartilhado de objetos em salões de beleza têm um motivo em comum: a falta de esterilização dos instrumentos. O procedimento é simples e prático, portanto, adote-o como rotina. Se preferir, estabeleça uma checklist para que a atividade não seja negligenciada no seu negócio.

2. Disponibilize equipamentos de segurança e itens descartáveis

Os profissionais da beleza estão em constante contato com pessoas, produtos químicos e agentes de poluição ambiental. Um exemplo é o excesso de ruídos, situação que pode comprometer a saúde. Por isso, forneça equipamentos de proteção individual (EPIs) para os seus funcionários. Para os clientes, sempre que possível, disponibilize itens descartáveis.

3. Exija o uso de máscaras e disponibilize álcool em gel para higienização

Essas medidas são essenciais para o funcionamento do estabelecimento. Afinal, trata-se de uma recomendação do Ministério da Saúde para proteção contra o novo coronavírus. Outra prática importante é limitar o número de pessoas no local para evitar aglomerações. Invista em um sistema de agendamento online para maior comodidade de todos.

Além disso, comunique aos clientes quais são as medidas de segurança adotadas pela empresa e indique como eles devem ir ao salão. Em caso de sintomas como tosse e febre, oriente-os a buscar uma unidade de saúde.

4. Mantenha o ambiente sempre arejado

Ambientes fechados contribuem para a propagação de diversos vírus, portanto, preze pela circulação do ar. Deixe as portas e as janelas abertas e use ventiladores para manter o espaço arejado.

5. Aposte em transações sem contato

A tecnologia já permite várias formas de movimentações financeiras online, como depósitos bancários, boletos, cartão de crédito, paypal etc. Esse procedimento é o mais adequado para evitar o contato físico comum do pagamento com dinheiro em espécie.

Ao adotá-lo, comunique os motivos da mudança e encoraje o seu público a realizar o pagamento com mais segurança. Caso use uma maquineta para pagamentos com cartão, proteja-a com um plástico filme e higienize-a a cada transação para eliminar o risco de contaminação.

Como você viu, garantir a higiene e segurança no salão de beleza é fundamental para evitar contaminações, como dermatites, micoses e até mesmo doenças mais graves, como hepatite e AIDS. Além disso, esses parâmetros são requisitos para legalizar e manter empresas em funcionamento, logo, não podem ser ignorados. Estabeleça com rigor as regras sanitárias, forneça itens de segurança e desfrute de um ambiente limpo e protegido.

Gostou do conteúdo? Que tal, agora, disseminar conhecimento? Compartilhe-o em suas redes sociais para que mais pessoas fiquem por dentro do assunto!

Receba nossas dicas e conteúdos gratuitamente diretamente em seu e-mail!