o que é microblading

Você sabe o que é microblading? Saiba por que apostar nessa técnica!

O mercado da beleza está em constante ascensão. De procedimentos estéticos à maquiagem, os profissionais que atuam nesse meio estão sempre se reinventando e descobrindo novas tendências para trabalhar melhor e atrair mais clientes para seu nicho.

Um deles é o designer de sobrancelhas, que além de poder realizar serviços mais simples, como o design, também pode se especializar em técnicas semi-definitivas, como o microblading e a micropigmentação.

Mas você sabe o que é microblading e micropigmentação? Nesse artigo vamos diferenciar essas técnicas e mostrar por que investir em uma delas pode potencializar a carreira de um designer de sobrancelhas. Acompanhe!

O que é microblading?

Antes de explicar esse conceito, vamos mostrar o que não é o microblading. Algumas pessoas o confunde com a micropigmentação, considerando que os dois têm a mesma finalidade, mas eles se diferenciam pelo efeito e técnica.

Micropigmentação

Nessa modalidade, o aparelho usado é o dermógrafo, que desenha os fios por meio de estímulos elétricos. A pigmentação é mais intensa, dando um resultado mais marcante, com mais espaçamento entre os fios, deixando a sobrancelha mais robusta.

Aqui, é importante frisar que, quanto mais especializada a profissional for, melhor será o serviço. O manejo do dispositivo deve ser treinado constantemente até que ela se sinta segura e possa usá-lo para realizar o design.

Microblading

Uma das razões da popularização do microblading é o seu resultado, principalmente para pessoas que querem disfarçar a escolha de procedimentos estéticos! Isso porque a técnica dá um ar mais sutil ao procedimento, conferindo um efeito natural, pois permite que o espaçamento desenhado entre os fios seja menor em relação a micropigmentação. Isso gera um aspecto menos perceptível do pigmento, daí vem o nome “fio a fio”.

Nesse caso, o aparelho usado é o tebori (que vem do japonês e significa “tatuar com as mãos”). A designer o utiliza de forma 100% manual – diferente do dermógrafo -, pigmentando as sobrancelhas de acordo com a simetria do rosto da cliente. Esse procedimento leva mais tempo e pode ser realizado em até duas horas.

Dermógrafo X Tebori

Às vezes, o que impede uma cliente de investir na micropigmentação ou microblading é o medo de agulhas, pois a falta de conhecimento sobre a forma de realização do procedimento pode desencorajar a clientela. Por isso, a designer — mesmo que não atue com as duas técnicas — deve conhecê-las, a fim de poder explicar e aconselhar em qual vale a pena investir.

Uma das formas de fazer isso é informando como trabalham os aparelhos que fornecem o pigmento para a área das sobrancelhas: o dermógrafo e o tebori. De forma resumida, o tebori (microblading) é uma espécie de caneta, com microagulhas em sua extremidade responsáveis por fazer os fios. Antes de usá-lo, geralmente o designer aplica uma pomada anestésica, que diminui consideravelmente o desconforto da cliente.

Já o dermógrafo conta com vários modelos no mercado e é mais prático. Como ele é elétrico, sua ação é mais rápida, mas não necessariamente indolor. Para o designer que está investindo nessa técnica, é importante verificar se o dispositivo usado é verificado pela Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Por que apostar na técnica microblading?

Caso pesquise sobre as últimas tendências de maquiagem, provavelmente você vai encontrar a seguinte informação: o natural está ganhando força.

As sobrancelhas marcadas — embora haja quem as prefira — estão sendo substituídas por designs mais simples e sutis, que deem um ar de naturalidade ao rosto da pessoa. E a popularização do microblading reforça essa teoria, pois como abordamos, a técnica é manual e mais demorada justamente para criar um resultado autêntico.

Pensando nisso, é comum que os profissionais da área se especializem nesse procedimento para conhecer melhor seus benefícios e conquistar cada vez mais clientes. Para ajudar você, descrevemos alguns dele abaixo.

Técnica aprimorada

Para o designer que atua na área há pouco tempo, aprender a técnica de microblading é uma excelente oportunidade para melhorar seu desempenho. Por ser um trabalho manual, ele exige mais preparo e paciência do profissional.

Lembre-se que essa preparação influencia 100% no resultado e na sua cartela de clientes. Por isso, o investimento para dominar o método é indispensável.

Além disso, o microblading se torna menos incômodo para as clientes, considerando que, durante sua execução, não há barulho nem vibração. E para os profissionais, há um custo a menos com eletricidade (diferente do dermógrafo).

Custo dos utensílios

Enquanto um dermógrafo pode custar centenas de reais, os utensílios usados no microblading são bem mais baratos. O tebori, dependendo do fornecedor, não chega nem a R$ 50,00. Os demais aparelhos necessários são as agulhas, os lápis para demarcar, as pinças, o pigmento, entre outros.

Preço

Geralmente, os profissionais da área cobram mais caro para realizar o procedimento. Um dos motivos é o fato da técnica ser relativamente nova no mercado por exigir mais domínio, ou seja, mais investimento profissional. Além disso, o resultado é mais compatível com as tendências atuais , o que favorece o procedimento.

Cuidados

A cicatrização de qualquer procedimento estético depende dos dois lados: do profissional e do cliente. Cabe ao designer dominar a técnica que vai utilizar e executá-la da melhor maneira possível, assim como informar ao seu cliente os cuidados necessários para que o resultado seja condizente com as expectativas dele.

A ausência dessa explicação pode influenciar não apenas no serviço, como no retorno do cliente. Por isso, é importante informá-lo sobre o uso de produtos específicos na área, o uso de protetor solar e a necessidade de evitar a exposição ao sol.

Duração

Atendendo aos cuidados citados no tópico anterior, é possível obter um resultado mais bonito e duradouro, que pode variar de 6 a 12 meses.

Os cuidados com as sobrancelhas está ganhando cada vez mais espaço na rotina das pessoas. Sem dúvida, é um mercado que vale a pena investir e se especializar, principalmente em técnicas como o microblading, pois isso impacta positivamente em seu lucro e credibilidade. Ao profissional, cabe se capacitar a fim de entregar o melhor resultado possível a seus clientes.

Agora que você já sabe o que é microblading, continue sua visita em nosso blog e saiba mais sobre a carreira de designer de sobrancelhas!

Receba nossas dicas e conteúdos gratuitos diretamente em seu e-mail!