gestão de tempo para artesão

Gestão de tempo para artesão: 6 dicas para aumentar sua produtividade!

O dia mal começou e você já iniciou seus artesanatos. Porém, a campainha tocou e a vizinha veio entregar aquela vasilha emprestada. Retornando e dando continuidade à produção, o celular apitou indicando duas notificações de redes sociais e um e-mail de cliente.

Se continuar assim, você não vai finalizar as suas atividades nunca — ou vai deixar pendências para a manhã seguinte, ou vai usar o seu horário de descanso da noite para dar conta do prejuízo. Definitivamente, você está precisando de uma boa gestão de tempo para artesão.

Se anda difícil lidar com as horas e a produtividade é um fator que não existe na sua rotina de trabalho, chegou o momento de aprender a otimizar o seu tempo para obter não só mais sucesso nos negócios, mas também qualidade de vida e bem-estar.

Neste post, confira 6 dicas de gestão de tempo para artesão para produzir mais e viver melhor!

1. Planeje a sua rotina

A atitude de dividir as suas tarefas de acordo com o seu tempo livre é algo simples, que demanda apenas dedicação e boa vontade para aperfeiçoar a sua vida. Além da boa e velha agenda de papel, você pode utilizar um calendário eletrônico, o Google Calendar e outras técnicas e metodologias.

Uma maneira interessante para organizar suas atividades diárias, principalmente profissionais, é o método japonês “kanban”. Ele consiste em dispor todas as suas tarefas em um quadro dividido em colunas que representam cada etapa de produção. Você pode nomeá-las, por exemplo, em:

  • encomendas ou tarefas em aberto;
  • produtos ou tarefas em etapa de produção;
  • itens ou tarefas finalizadas.

Assim que você for evoluindo, vá trocando os cartões das suas tarefas de lugar. A medida ajuda a visualizar melhor o progresso das suas demandas e, assim, você consegue se organizar melhor em relação a novas encomendas, compromissos pessoais e até mesmo para realizar um curso novo de artesanato.

2. Priorize o que é mais importante

Tomando o exemplo do início deste artigo, você continuaria produzindo o seu artesanato ou interromperia o trabalho para atender a campainha? Para não perder tempo — e dinheiro — concentre seus esforços no que é mais importante e deixe o resto para outro momento.

Um método simples de priorização é a Matriz de Eisenhower. Ela consiste em dividir o que é importante e o que é urgente, fazendo você analisar de perto o que, de fato, requer sua total atenção com prioridade:

  • tarefas importantes e urgentes — faça imediatamente;
  • tarefas importantes, mas que não são urgentes — use seu planejamento da primeira dica e agende uma data para fazer;
  • tarefas urgentes, mas que não são importantes — aprenda a delegar a função para outra pessoa, como veremos a seguir;
  • tarefas que não são urgentes, nem importantes — não dê atenção a elas e as deixe de lado. Só as realize quando tiver tempo sobrando.

Nesse sentido, o mais importante e urgente é terminar o seu trabalho. Então, apenas faça, sem interrupções. Depois que o seu horário estiver livre, será possível atender ao telefone, à campainha, ir até a casa da vizinha buscar o que pertence a você e o que mais desejar.

3. Delegue tarefas a outras pessoas

Que tal falar sobre centralização de tarefas? Na maioria das vezes, a produtividade se perde pelo excesso de compromissos e afazeres, deixando a pessoa perdida em meio a tanto trabalho.

Powered by Rock Convert

Nesse cenário, se você puder contar com a ajuda de alguém no artesanato, ótimo. Contudo, se isso não for possível, aprenda a focar seu tempo na produção e delegue tarefas secundárias a familiares, por exemplo.

Aquela louça para lavar, o lixo a ser colocado para fora, entre outras atividades domésticas, são coisas que podem muito bem ser feitas pelos demais moradores da sua casa. Por que haveria de ser você a única pessoa responsável por tudo, além do seu trabalho no atelier?

4. Saiba dizer não

Ainda sobre o acúmulo de funções, outro aspecto que também prejudica a sua produtividade é a falta de habilidade para selecionar seus serviços. Isso quer dizer que, se você seguir o seu planejamento, vai ver se é viável ou não pegar mais uma encomenda.

Não adianta querer abraçar o mundo e receber pedidos de inúmeros clientes, se você não dá conta de produzir todo o artesanato a tempo, com qualidade e em prazos satisfatórios, certo?

Além do mais, é fundamental sobrar tempo para o descanso, para a família e até mesmo para a qualificação profissional. Sem esse filtro, você só vai se sobrecarregar de trabalho, perdendo saúde física e mental, além de comprometer a produtividade e a prosperidade do seu negócio.

5. Organize seu local de trabalho

Hipoteticamente falando, o que aconteceria se você estivesse produzindo uma boneca de pano e, ao precisar de uma agulha maior, gastasse em torno de 20 minutos procurando por ela em gavetas, caixas, ou em meio aos tecidos espalhados pela mesa? Seriam, obviamente, 20 minutos perdidos em seu dia.

Logo, seja em um atelier, seja em sua própria casa, o lugar em que você trabalha com artesanato deve estar sempre impecável, limpo e organizado. Essa não é apenas uma dica que preza pela estética do ambiente — é uma maneira inteligente de tornar suas tarefas mais fluidas, rápidas e prazerosas.

6. Diminua as distrações

Temos inúmeros inimigos da produtividade ao nosso redor. São celulares repletos de funções, aplicativos e notificações, televisões com muita opção de entretenimento, redes sociais e mensagens instantâneas que nos fazem conversar com todo mundo a qualquer hora.

Enfim, todas essas facilidades tecnológicas são muito bem-vindas, uma vez que podem até mesmo ajudar no sucesso do seu negócio. No entanto, é importante ter bom senso e medir a hora mais adequada para usufruir de todas essas coisas, a fim de evitar a autossabotagem.

Será que é preciso, por exemplo, checar o seu e-mail de cinco em cinco minutos? Não seria melhor desabilitar as notificações e alertas do celular, pelo menos enquanto você está na etapa de produção dos artesanatos? Comece a mudar seus hábitos em relação a isso e perceba o quanto você vai ganhar em tempo e produtividade.

Com as dicas de gestão de tempo para artesão selecionadas neste post, temos certeza de que você já vai começar a se organizar daqui em diante. São estratégias simples, que requerem apenas o investimento da sua força de vontade para mudar hábitos e rever ações e, assim, aumentar a produtividade e ter uma rotina mais saudável.

Outra coisa que vai sempre ajudar seu desempenho é a leitura de conteúdos de valor para a sua carreira, como este que acabou de conferir. Por isso, assine nossa newsletter e receba mais informações sobre o universo do artesanato!

Receba nossas dicas e conteúdos gratuitos diretamente em seu e-mail!




Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.