Passo a passo de encadernação manual, simples e divertida

A encadernação manual é uma arte antiga e milenar. No entanto, hoje em dia, a tecnologia toma conta da produção em grande escala de livros e cadernos. Por sorte, a tendência pelo DIY na encadernação tem crescido! Ou seja, o Do It Yourself (em bom português: faça você mesmo) resgata o feito à mão, o trabalho do artesão e pequenos produtores, além do gosto pelas tarefas manuais. Assim, temos revivido o verdadeiro valor dos cadernos costurados à mão!

>> Clique aqui e saiba como fazer vendas pelo WhatsApp e aumentar seu negócio!

O que é encadernação manual

A encadernação manual, como o nome já sugere, é aquela que não faz uso de máquinas de encadernar. Em outras palavras, é a arte de costurar folhas soltas produzindo uma encadernação artesanal, feita com linhas ou cordões e agulha. Assim, existem diferentes tipos de encadernação, como brochura, bradel, belga, japonesa, entre outras. Além do clássico caderno para anotações de ideias que as pessoas criativas sempre têm consigo, existem muitos usos populares para os cadernos artesanais, como álbuns de fotografia, portifólio, agendas e livros de receitas.

Passo a passo da encadernação artesanal

Se você sempre teve interesse em aprender a encadernação manual, neste passo a passo você vai ver como é simples fazer um caderno! Acompanhe nas fotos abaixo essa costura básica.

O custo para fazer esse caderno é de cerca de R$ 9 e o preço de venda gira em torno de R$ 25. É claro que isso pode variar de acordo com o valor agregado que você oferece nas suas peças, bem como o seu público-alvo. Para que você possa lucrar ainda mais, preze por um acabamento impecável e saiba usar as redes sociais a seu favor na divulgação!

 

Encadernação manual: caderno de costura simples, 40 folhas com elástico. Tamanho A6 ou 105mm × 148mm, o mesmo tamanho de um Moleskine básico
Encadernação manual: caderno de costura simples, 40 folhas com elástico. Tamanho A6 ou 105mm × 148mm, o mesmo tamanho de um Moleskine básico

Quais são os materiais necessários para encadernar?

Para fazer essa técnica de encadernação manual, você vai precisar de: papel cartão, papel scrap, um pincel ou rolo de pintura, régua, superbonder, cola branca, um elástico, linha encerada, papel pólen, estilete, mesa de corte, base de PVC e um agulhão ou ferramenta auxiliar.

Confira as imagens abaixo:

Lista de materiais

  • Mesa de corte ou mesa de vidro
  • Estilete
  • Agulhão
  • Linha encerada
  • Base de PVC ou leito para cadernos
  • Pincel ou rolo de pintura pequeno
  • Cola branca
  • Superbonder
  • Elástico
  • Régua
  • Papel scrap e papel cartão

1. Defina o tamanho que o seu caderno vai ter

Na encadernação manual, você pode escolher o tamanho do seu caderno. Se você usar folhas tamanho A4, seu caderno vai ter um tamanho final A5. Ou seja, o tamanho final dele vai ser a metade, uma vez que o A5 é a metade de um A4. Por exemplo, se usar folhas A5, seu caderno final fechado terá um tamanho A6, que é o tamanho de um Moleskine clássico. No caso do exemplo, o caderno rosa tem o tamanho final de A6 fechado, ou seja 105mm x 148mm.

PAP Encadernação artesanal, simples e divertida
Tome sempre muito cuidado quando usar objetos cortantes como o estilete. Mantenha seu corpo e dedos fora da direção do corte.

2. Posicione e cole a capa

Agora, é só colar sua capa no papel cartão, para dar mais estabilidade e firmeza. Em seguida, refile a capa junto com o papel cartão. Para isso, neste ponto, sua capa deve ser um pouco maior do que a medida de um A5, para que você possa refilar os cantos do caderno e deixar tudo igual quando terminar a costura.

IMG_0722

 

Se você não tem uma espátula (como essa da foto abaixo), utilizada na encadernação manual, para eliminar bolhas e alisar bem os papéis, use a parte suave de uma régua, como feito na foto acima.

Espátula de encadernação ou dobradeira
Espátula de encadernação ou dobradeira

Uma segunda dica legal é limpar bem a espátula ou régua quando você estiver alisando para não manchar a capa do seu caderno com cola. Em seguida, deixe sua capa secando bem. Ou, se quiser, aproveite e faça várias ao mesmo tempo e deixe-as secando, antes de passar ao próximo passo.

3. Preparando o miolo na encadernação manual

Com sua capa seca e refilada, pegue 20 folhas tamanho A5 e alinhe todas bem no meio. Em seguida, centralize todas as folhas e dobre o miolo junto com a capa. Procure alinhar na base também, para ter certeza de que tudo está reto (veja o exemplo da foto abaixo). Afinal, o acabamento é essencial, lembra? Quando estiver bem dobrado, usando a régua ou um gabarito, defina a distância de cada um dos furos para a costura. Aqui no exemplo, você pode ver que tem um furo a cada centímetro.

PAP Encadernação artesanal, simples e divertida

Primeiro passo para fazer o miolo do caderno

Para furar bem ao meio, sem que as folhas se mexam, existe um truque: segure seu caderno em posição de 90º sobre sua base de PVC e fure com o agulhão a 45º. Mas, se quiser fazer uma produção maior, considere comprar um berço de encadernação artesanal. Eles são feitos para facilitar esse processo sem entortar seus furos e para fazer uma medida perfeita. No entanto, uma outra alternativa é cortar todos os cadernos ao mesmo tempo com o estilete, como mostra a encadernadora Luisa Gomes nos seus cursos.

IMG_0761

 

Agora, prepare sua linha: ela deve ser cinco vezes o comprimento da lombada do seu caderno. Passe-a na agulha, mas não faça um nó.

IMG_0765

4. Começando a costurar: a importância do primeiro nó

Insira sua linha pelo lado de dentro do caderno, conforme a imagem mostra.

IMG_0902

 

Em seguida, puxe a linha até que fique somente um pedaço pequeno, ao redor de 10 cm e uma linha simples, não precisa ser dupla.

IMG_0903

 

Agora, volte com a agulha pelo mesmo primeiro furo. Devagar, não puxe completamente.

IMG_0904

 

Você vai obter uma orelhinha como a do exemplo. Atenção, essa “orelhinha” deve permanecer assim até o próximo passo.

IMG_0906

 

Com a agulha de volta no lado de dentro, vamos para o segundo furo do caderno. Cuidado para não puxar muito.

IMG_0907

 

Agora, com a agulha do lado de fora do caderno, vamos passá-la pela orelhinha que ficou no primeiro furo.

IMG_0908
IMG_0909

 

Puxe o fio de 10 cm que deixamos no começo, fazendo assim o primeiro nó. Tente puxar dos dois lados para que o fio de 10 cm não aumente e que o nó fique bem firme.

5. Siga o passo a passo para a costura de todo o caderno 

IMG_0910

 

Então, voltamos a agulha para o lado de fora. Ela deve entrar pelo segundo furo do caderno.

IMG_0914

 

Atenção: do lado de dentro, sempre passar a agulha num furo novo.

IMG_0924

 

E do lado de fora, a agulha passa entre o caderno e a linha do ponto anterior, e volta pelo furo que veio.

IMG_0925

 

Siga assim até o último furo.

IMG_0927

 

Aqui você vai normalmente até o último, e do outro lado faremos o último nó.

IMG_0931

 

Agora, pesque a linha do último ponto e volte a entrar pelo último furo.

IMG_0932

 

E do lado de dentro do caderno faça um nó normal, passando a agulha embaixo da linha do último ponto.

IMG_0934

 

Passe a agulha na orelhinha, puxando forte, para fazer um nó.

IMG_0935

 

E pronto! terminamos a costura! Por fim, se preferir, é só reforçar fazendo mais um nó, e cortando o excesso de linha.

IMG_0937

6. Colando o elástico

Colocar o elástico é bastante simples, escolha uma cor que combine com sua capa e vamos lá!

Comece dando a volta no seu caderno com o elástico, sem esticá-lo, e corte com um bom excesso. Veja as imagens abaixo para calcular o tamanho da sobra.

IMG_0829
IMG_0831

 

Então, escolha a face que será o verso do seu caderno. Pois, nela, faremos um pequeno corte para passar o elástico.

IMG_0833

 

Comece fazendo uma linha curta, a 2 cm da borda do caderno com muito cuidado para não fazer maior do que a largura do elástico.

IMG_0835

 

Feito o corte, aumente-o com a ajuda do agulhão e empurre as duas pontas do elástico até que passem para o outro lado.

IMG_0839

 

Se conseguir deixar bem apertado melhor, isso faz com que o elástico fique mais firme.

IMG_0843

 

Agora, vamos medir a tensão. Feche o caderno e segurando o elástico no verso, aperte ou solte o mesmo até que ele segure o caderno fechado, mas não esteja muito apertado. Se ficar muito apertado, pode entortar o caderno.

IMG_0845

 

Quando a elasticidade estiver certa, vamos colar o elástico.

IMG_0848

 

Com a cola superbonder, vamos reforçar. Dessa forma, sabemos que o elástico vai funcionar muito tempo perfeitamente!

IMG_0849

 

Use na base do corte, assim vamos evitar que o elástico ande enquanto está secando o resto da cola.

IMG_0850

 

Agora é só colar cada ponta para cada lado. Depois, vamos tampar o elástico para garantir um acabamento perfeito.

IMG_0862

7. Capriche no acabamento!

Por exemplo, como o papel que escolhemos é duplo, vamos usar o outro lado para enfeitar a parte de dentro do caderno. Assim, você pode escolher o papel que quiser, e abusar da combinação de cores e estampas. Solte a criatividade e valorize ainda mais a sua encadernação.

IMG_0863

 

Vamos cortar um pedaço fino, na altura do caderno. Esse pedaço vai segurar o elástico e cobrir a parte de dentro, deixando um acabamento mais bonito.

IMG_0867

 

Passe a cola em toda a superfície, com o cuidado de espalhar bem e alcançar as beiradinhas.

IMG_0869

 

Tome cuidado para posicionar certinho sobre a borda do caderno. Mas, não se preocupe se não ficar perfeito, pois a gente ainda vai refilar o caderno.

IMG_0870

 

Aperte e cole bem! Este pedaço tem que segurar o elástico então precisa estar bem firme.

IMG_0877

 

Observe como fica ao ser finalizado! Um detalhe charmoso que segura o elástico e cobre a cola.

IMG_0878

 

E veja como fica o caderno final! Fica um charme, não é mesmo?

IMG_0882
IMG_20150728_102650329

Encadernação manual simples!

Viu como a costura artesanal para encadernação ficou fácil agora? A partir dessa técnica de encadernação manual, você pode criar diversos cadernos, até com capa dura. Quem sabe, uma vez dominada essa costura que ensinamos aqui, você não se empolga e começa a aprender outras técnicas de encadernação manual? Confira alguns cursos de encadernação artesanal da eduK clicando aqui.
Se quiser conhecer mais sobre esse mundo, separamos alguns conteúdos que vão te ajudar a ter inspiração e até a transformar um hobby em uma fonte de renda e reconhecimento!

O passo a passo da encadernação artesanal em pdf

Para facilitar sua produção, a gente disponibiliza este post todinho em PDF! Assim, sempre que você precisar, é só seguir as imagens e colocar em prática essa arte que só cresce!

Powered by Rock Convert

Receba nossas dicas e conteúdos gratuitos diretamente em seu e-mail!




9 Comentários

    Estou querendo assinar para ter acesso aos cursos de encadernação. A minha dúvida é: quais os papéis que eu poderia substituir para a capa e miolo, pois aqui na minha cidade é dificil encntrar papel cartão e papel de scrap. A capa poderia ser com papel couche impresso ou papel kraft? e o miolo poderia ser papel a4 normal?

      Oi, Lia! Tudo bem? Desculpa a demora pra te responder, viu?
      Bem, tecnicamente você pode usar qualquer papel para fazer seus cadernos, então a resposta é sim!
      Espero ter te ajudado! Qualquer dúvida, temos mais alguns cursos com esse tema, já deu uma olhada? Clica aqui!

    Adorei as dicas, a encadernação ficou linda.

    Eu estou vendo o nome da Tereza Pires

    Olá!
    Estou tentando fazer um caderno com esse tutorial. Comecei agora, com 25 folhas. Tive dificuldades pra perfurar. Acredito que seja pela quantidade de folhas dobradas. E não ficaram retas. Eu preciso passar a guilhotina, né?
    Desculpem-me pelas duvidas grosseiras, mas é porque eu não sou hábil com artesanatos. Estou tentando construir alguma coisa com as próprias mãos.
    rsrs

    Lindo o produto deste trabalho. Achei que não conseguiria fazer a encadernação sem o berço. amei as dicas

    Faltaram falar da Tereza Pires, que é maravilhosa e foi a primeira a dar curso de Encadernação junto com a Vanessa Navarro. Beijos pra todos.

      Tem razão Maria! Como esquecer da maravilhosa Tê Pires? Em breve teremos mais conteúdo com ela por aqui! =D

        A primeira aula que assisti pela EduK foi com a Tê Pires e Vanessa Navarro, na época das Papeleiras! Acho que foi a primeira aula da Tê na EduK. Eu já trabalhava um pouco com isso, pois mexo com scrapbooking. Me tiraram muitas dúvidas, além de me passarem ideias geniais e dicas preciosas. Depois vieram outros espetaculares: Luisa Gomes, Gabi Irigoyen, Dani Bárbara, Pablo Peinado… Tudo fantástico! Beijos!!

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.