fotografar artesanato

Miniguia para fotografar o artesanato e mostrar seu trabalho

Quando você está procurando por algo na internet, é a imagem do produto que chama mais a atenção, não é mesmo? Por isso é que, enquanto gestor do próprio negócio, o artesão deve saber como fotografar artesanato do jeito certo.

A ideia é conseguir mostrar a beleza real do seu trabalho, atraindo clientes e despertando neles o desejo de compra. A fotografia adequada de uma peça de artesanato, sem dúvidas, valoriza o produto e colabora com sua rentabilidade, pelas redes sociais ou pelo seu site.

Para que você consiga produzir as melhores fotos das suas artes, preparamos um miniguia rápido e prático sobre fotografar artesanato, com o essencial para começar a divulgar seus itens como eles merecem. Confira!

Invista em equipamentos de qualidade

Existe um pensamento equivocado de que, para fotos perfeitas, é preciso ter uma câmera fotográfica profissional. Se você possuir esse equipamento, ótimo! Contudo, com a câmera de um celular de qualidade já é possível preparar as imagens de seus produtos.

O que define uma boa fotografia não é a quantidade de megapixels, mas a qualidade dos sensores que captam a luz do ambiente para formá-los. Os fabricantes de smartphones têm se empenhando bastante para garantir esse padrão aos celulares, por isso basta você explorar ao máximo as funções da câmera — balanços de cores, ajuste de exposição etc.

Monte um estúdio em casa

O segredo de uma foto boa está em sua preparação. Nesse sentido, vale a pena investir também em um estúdio, que pode ser montado na sua casa, com materiais simples. Você só vai precisar de um fundo neutro ou que combine com o seu objeto artesanal.

Esse fundo pode ser uma cartolina branca, tecidos claros ou até mesmo uma caixa de papelão forrada, com recortes nas laterais e na parte superior, como “janelas”, para a passagem de luz. O propósito é posicionar o produto em um ambiente limpo, para que ele seja o centro das atenções. Entretanto, existem mais elementos fundamentais:

  • uma iluminação boa, que pode ser otimizada com luz artificial, como luminárias;
  • papel vegetal nas laterais da caixa ou na própria lâmpada, para evitar a formação de sombras.

Faça o posicionamento correto da luz

Por falar em luz, esse é um fator crucial na qualidade da fotografia, já que é por meio da iluminação que a imagem é formada dentro da câmera. Sabia disso? Pois bem! Procure um espaço claro e, se possível, utilize luzes artificiais de um modo que a sua posição não faça sombra ao objeto.

Além do mais, dispense o flash da sua câmera! É justamente para isso que utilizamos outras luzes e até o papel vegetal para dispersar a luz e não deixar que o efeito de sombra acentuada estrague a imagem.

Ajuste o enquadramento dos produtos

Outro detalhe que ajuda bastante é o ângulo. Por isso, você deve ousar e fazer testes em diferentes posições, mostrando o seu produto de vários lados. Aliás, essa é uma ótima estratégia de marketing, pois o seu cliente consegue ter uma ideia bem mais ampla do que está comprando. Depois, é só selecionar as melhores imagens.

Adicione complementos que valorizem a foto

Para dar um aspecto mais harmônico ao seu trabalho, tente incluir outros elementos na fotografia, como se criasse um cenário. É claro que, se for sua preferência, o produto pode ficar exposto apenas sobre um fundo branco, porém, dá para brincar com detalhes como botões, fitas, cordões de luz e até algumas ferramentas de trabalho, como tesouras, alfinetes, entre outros.

Depois que você tiver o básico para fotografar artesanato, é só abusar da criatividade para deixar suas fotos ainda mais atrativas. Essa é uma atitude para lá de inteligente, já que as redes sociais estão se apoiando cada vez mais no visual.

E por falar nelas, aproveite para nos acompanhar no Instagram, no Facebook, no Pinterest e no YouTube.

Receba nossas dicas e conteúdos gratuitos diretamente em seu e-mail!




Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.