Black Friday 2023

🔥 Descontão de 67% off!
Apenas 12x de R$ 9,90

Dias
Horas
Minutos
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Lash lifiting: descubra a técnica que vai te transformar em uma lash designer de sucesso

Quer conhecer uma técnica que dá a impressão de cílios maiores, mas não usa extensões? Então, conheça o lash lifting!

Quem já trabalha com lash design sabe como as técnicas de alongamento e volume fazem sucesso. Com o uso de máscaras, aliás, a valorização do olhar ganhou ainda mais espaço. Mas é possível conseguir impacto apenas tratando os cílios naturais, acredita? É o que o lash lifting promete!

Quem tem cílios longos, curtos, olhos redondos, amendoados ou caídos vão amar a técnica! Afinal, nem sempre estamos a fim de um alongamento, não é verdade? Mas o olhar sempre deve ser valorizado.

A lash designer que deseja atender a diversos tipos de público precisa conhecer diversos tipos de técnica. Então, entenda agora o que é e como fazer o lash lifting!

Afinal, o que é lash lifting?

Também chamado de lifting de cílios, lash lifting é uma técnica com o objetivo de deixar os cílios mais curvados e aparentemente mais longos. Ela não aumenta, mas os valoriza a ponto de dar a ilusão de maiores.

Assim como o alongamento de cílios fio a fio, o lash lifting valoriza o olhar de maneira mais natural. E como aqui não há extensões, e sim uma coloração, a cliente fica com cílios mais encorpados.

antes e depois da técnica de lash lifting

Quais as diferenças entre lash lifting, extensão e permanente de cílios?

Extensão é o mesmo que alongamento de cílios: a colagem de fios para dar a impressão de que os cílios são mais longos. O resultado dura, em média, 3 semanas, mas não dê uma estimativa para a cliente. O dia a dia e os cuidados durante a rotina fazem esse prazo variar.

Por fim, o permanente é bem semelhante ao lash lifting, mas conta com uma diferença de técnica e curvatura.

O permanente faz um curvatura em U nos cílios, dando um ar bem boneca ao olhar. Para isso, a lash designer usava bigudinhos bem pequenos, específicos para esses fios. Eles eram colados na pálpebra para fazer essa curvatura.

Já o lash lifting não curva os cílios para trás, e sim para cima. Por isso, muitas mulheres têm a impressão de cílios maiores. No entanto, é só a ilusão causada pela curvatura, que valoriza o tamanho dos cílios. Logo depois, a lash designer entrar com a coloração — que encorpa e ajuda a proteger o fio.

A coloração é obrigatória no lash lifting?

Algumas profissionais oferecem o serviço separadamente. No entanto, o ideal é que você os ofereça juntos, como em um combo, pois só assim você só vai conseguir aquele resultado impactante.

Pense só: os cílios vão ficar alongados, mas por serem mais fininhos, vai aparecer apenas que a cliente usou um curvex. Já com a coloração, vem o resultado poderoso: os cílios estão grossinhos e todos conseguem perceber que estão bem curvados. Sua cliente ainda vai matar uma boa etapa da maquiagem diária dela, já que não precisará se preocupar com a região dos olhos. Se ela é do tipo prática, só vai colocar um batom e sair para trabalhar.

Além disso, como você usa produtos da mesma marca para os dois procedimentos, a coloração funciona como um “selante” do lash lifting. Ele vai selar a cutícula do fio e protegê-lo enquanto o procedimento estiver atuando nos fios.

passo a passo da técnica lash lifting ou lifting de cílios

Quais as vantagens do lash lifting?

O procedimento tem uma série de vantagens tanto para a profissional quanto para a cliente. Olha só:

Rapidez

O tempo de aplicação de um lash lifting é muito menor. Para se ter uma ideia, uma lash designer experiente gasta por volta de duas a três horas em um alongamento. Isso porque há todo o preparo dos materiais, montagem dos fans e colagem cílio por cílio.

Já o lash lifting, levando em consideração desde a recepção da cliente até a ação dos produtos, demora no máximo uma hora. Para clientes com uma rotina muito apressada, por exemplo, essa técnica é a melhor opção

Custo consideravelmente menor

Além disso, o gasto de materiais também é menor. Consequentemente, o valor do lash lifting é mais baixo que o de um alongamento.

Mas ao precificar seu serviço, não se esqueça de considerar experiência e sua hora de serviço, hein? Infelizmente, é comum que as lash designers coloquem preços muito abaixo do ideal, o que desvaloriza seu serviço e todo o investimento feito durante a carreira.

Alta duração

O lash lifting não precisa de manutenção, mas isso nem é o mais surpreendente para quem está acostumada com o alongamento. O procedimento dura, em média, seis semanas nos olhos da cliente, acredita? Às vezes, até um pouco mais! É um excelente custo-benefício para quem deseja valorizar os cílios sem usar extensões.

O mais bacana é que ela pode seguir a vida tranquilamente. Se quiser sair do salão e já lavar o rosto, não terá problema algum, pois o procedimento não precisa de cuidados muito extremos. Ela só não precisa esfregar a região o tempo inteiro, por causa do atrito.

Já a cor pode ter manutenção, pois costuma sair após 30 dias.

Como fazer lash lifting nas clientes?

Ficou empolgada para aderir à técnica? Não se preocupe! Agora, vamos dar o passo a passo para você entender como o lash lifting funciona:

Materiais

  • creme protetor e máscara hidratante Refectocil Skin Protection Cream & Eye Mask;
  • condicionador para home care, Styling gel Cuidado & Proteção;
  • kit RefectoCil Eyelash Lift;
  • solução Saline;
  • água micelar;
  • oxidante.

kit de material para lash designer

O ideal é que você adquira os produtos da marca RefectoCil, que é reconhecida pela Anvisa para o procedimento de lash lifting. Assim, você oferece segurança para a cliente, além de ter um respaldo caso ocorra algum problema.

Mas vamos conhecer também os materiais de apoio, imprescindíveis para a execução do trabalho:

  • álcool 70%, para higienizar as mãos;
  • máscara protetora;
  • touca para cliente;
  • folhas protetoras;
  • silicon pads;
  • cotonetes;
  • algodão;
  • paleta;
  • água;
  • soro.

Dica: antes de tudo, crie uma ficha de avaliação (anamnese) e faça o teste de alergia para evitar qualquer tipo de desconforto para sua cliente.

Modo de fazer

  • limpe a pele com água micelar e solução Saline. Depois, isole os fios inferiores da mesma forma que faz com o alongamento de cílios;
  • coloque os pads protetores adequados para o para o formato de olho da cliente;
  • passe a cola no pad e inicie a colagem dos fios. É só usar o palito ou pá para levantar e separar os cílios. Quando acabar, deixe descansando e passe para o outro olho;
  • aplique a solução lash perm e deixar agir por 8 min. Retire com cotonete seco;
  • aplique o neutralizador e deixe agir por 5 min. Retire com cotonete seco;
  • passe algodão com água para limpar e retire os pads.

Apesar de ser um procedimento rápido, não faça o procedimento com pressa. A paciência é a melhor amiga da lash designer.

E para preparar a coloração? Vamos lá:

  • reposicione o pad para iniciar a coloração dos cílios;
  • comece preparando a tinta: utilize a proporção de 1 cm de tinta para 5 gotas de oxidante;
  • aplique a mistura nos cílios. Deixe agir por 2 min;
  • retire com algodão e água. Por fim, lave os olhos da cliente com soro.

Expert da eduK e lash designer Eva Amaral fazendo lash lifting na cliente

Quanto cobrar, em média, pelo serviço de lash lifting?

O ideal é que você cobre, no mínimo, R$120 para compensar o investimento no material e nos seus estudos. Mas esse valor pode variar conforme região de atuação, público-alvo e tempo de experiência.

Pronta para investir no lash lifting? E se você já se apaixonou e quer virar uma expert na técnica, confira o curso Lifting de cílios: dê um up no olhar com Eva Morais!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar

Fique por dentro

Preencha os campos abaixo e não perca as nossas novidades!